Boletim Ciência tira dúvidas ao vivo do público

Boletim Ciência está na programação do Canal Saúde desde fevereiro

Por Redação @ncoisascomunicacaoe

Em meio às ameaças e tentativas de desqualificar o conhecimento científico, surge o Boletim Ciência. O programa do Canal Saúde da Fiocruz abre espaço para as descobertas científicas. E, de acordo com a assessoria de imprensa, o Boletim Ciência está no ar com o propósito de aproximar ciência e público.

O programa está na grade do Canal Saúde desde fevereiro, quando se encerram as exibições do Boletim Corona. Depois de sete meses, com edições diárias sobre a pandemia de Covid-19, a equipe percebeu que havia muitas dúvidas sobre a produção do saber científico. E observou também que a falta de entendimento na área favorece desinformação, em outras palavras: fake news.  

Boletim Ciência está no ar desde fevereiro e tem o propósito de aproximar ciência e público
  • Click AQUI e conheça o Boletim Ciência.
  • Veja a programação completa do Canal Saúde.

Por isso, a exibição de um programa sobre ciência se mostrou essencial para a sociedade. Além de cumprir o papel de divulgação científica, o Boletim Ciência explica como os estudos e pesquisas impactam o dia a dia da população.

Boletim Ciência: notícias e entrevistas

Em cada edição há um giro de notícias que abrange os mais variados campos do conhecimento. E em seguida, uma entrevista, também com a mesma amplitude de tema, busca desvendar o método científico. E isso acontece com a participação do público ao vivo, no no Canal Saúde Oficial no youtube.

A jornalista Neide Diniz assina o roteiro e apresenta o Boletim Ciência. Ao conduzir a entrevista, Neide interage com perguntas e comentários encaminhados pela audiência. Anteriormente ela tinha as mesmas funções no Boletim Corona.

Neide Diniz no estúdio do Boletim Ciência.

O Boletim Ciência tem duração de 20 minutos e aposta numa linguagem simples e espontânea. O cenário do estúdio exibe uma projeção com referências ao sequenciamento do DNA humano.

O código passeia pela tela dando ideia de tecnologia, inovação e quanto a ciência é dinâmica. No giro de notícias, entre um destaque e outro, há cortes de câmeras. E na entrevista, Neide Diniz interage com entrevistados por um monitor de TV e com a audiência, pelo celular.

Após a experiência no Boletim Corona, a apresentadora defende que a informação é o imunizante contra o vírus do negacionismo científico. Para ela, a ciência é essencial ao enfrentamento da Covid 19.

“A ciência faz parte do nosso cotidiano, mesmo que a gente não se dê conta. Sem ciência respostas sobre quem somos, de onde viemos e para onde vamos ficam no obscurantismo. Defender a ciência é defender a vida”, ressalta Neide Diniz.

Foto: Seblen Mantovani

Assista na Internet, na TV e participe!

O Boletim Ciência pode ser acompanhado às segunda, quartas e sextas, às 15h, na Internet pelo canal do youtube do Canal Saúde. E às 19h30, a edição é exibida na TV.

Você participa do Boletim pela redes sociais: Instagram, Twitter, e Facebook . O contato também pode ser feito pelo WhatsApp (21) 99701- 8122 ou pelo e-mail: canal@fiocruz.br

O Canal Saúde é sintonizado na televisão no canal 2.4, no Rio de Janeiro e em Brasília e no canal 1.4 em São Paulo, na multiprogramação da TV Brasil. Em todo o Brasil por antena parabólica digital (frequência 4085), pelo site ou ainda pelo aplicativo, disponível para dispositivos móveis.

Leia também!

128 thoughts on “Boletim Ciência tira dúvidas ao vivo do público

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *